domingo, 30 de outubro de 2011

(Foz do Iguaçu) Dia 02: Circuito Especial e Templo Budista

Acordamos perto de 10h e o hostel ainda estava sem eletricidade, por conta de um galho de árvore que arrancou a fiação elétrica da rua na tempestade do dia anterior.

Nos aprontamos e fomos tomar café no McDonalds, para poder recarregar o celular e usar internet. De lá fomos para Itaipu, novamente de ônibus circular, para a visitação do Circuito Especial. Chegamos à 13h, 30min antes do horário (agendado e pago previamente).

Itaipu DamA visitação teve início, no Centro de Recepção de Visitantes. De lá seguimos em um ônibus panorâmico até o mirante do vertedouro, onde fizemos uma parada rápida para fotos, e seguimos para a 1ª parada oficial, no Mirante Central - de onde assistimos a iluminação da barragem no dia anterior. Depois de 10min fotografando seguimos de ônibus por cima da Barragem Principal, já começando o Circuito Especial. Durante todo o trajeto, um guia bilíngue explicava a história da construção da usina e as funções dos prédios e equipamentos que observávamos. Na 2ª parada, na Barragem de Concreto, o tempo estava ensolarado e o vertedouro estava com as comportas abertas e pudemos fotografar durante 20min (foto). Voltamos ao ônibus às 14h30 e continuamos até passar lentamente, mas sem parar, pelo vertedouro seguindo em direção ao interior da barragem, onde ficam os geradores e o Edifício de Produção. A 3ª parada (às 15h) foi na entrada da barragem, entre os condutos 8A e 9A. Pela arquitetura côncava do enorme vão central esse local é, merecidamente, chamado de Catedral.

Depois das fotos externas, fomos para a parte interna da barragem - usando os capacetes obrigatórios. Passamos pela recepção do Edifício de Produção (4ª parada) e assistimos à explicação, com fotos, sobre a construção da barragem. Entramos então no Edifício de Produção em si, e pudemos entrar em um das turbinas e vê-la por dentro, em operação (por poucos minutos, já que o barulho é ensurdecedor). Passamos também pela Galeria (5ª parada) que dá acesso a todas as turbinas e pela Sala de Fuga (6ª parada) de onde se observa a água utilizada para a geração de energia sendo devolvida ao rio.

Por último, observamos a sala do Comando Central (7ª parada) através de uma parede de vidro, onde os técnicos controlam a operação da usina. Uma faixa amarela pintada no chão divide a sala em duas metades e representa a fronteira entre Brasil e Paraguai.

Pontualmente às 16h estávamos de volta ao Centro de Recepção de Visitantes, ainda extasiados pela magnitude de Itaipu e a excelência do tour, onde os motivos que levaram a Usina de Itaipu a constar na lista das 7 Maravilhas da Engenharia (pela ASCE) ficaram mais do que claros.

templo BudistaPegamos um ônibus para o centro, mas descemos no meio do caminho pata tentar visitar o Templo Budista (que fica no bairro Califórnia, há 1,5km da avenida principal). Perguntamos onde ficava ao cobrador e fomos. Enquanto caminhávamos para o templo, uma família gaúcha, de carro, gentilmente nos ofereceu carona. Chegamos às 16h45 e, como o templo fechava às 17h, não tivemos tempo suficiente para conhecer tudo com a devida calma, mas ficou evidente a beleza e paz do local (foto); bem como a vontade de ter ficado mais tempo.

Voltamos para Foz do Iguaçu novamente de carona com a família e fomos direto almoçar - ainda estávamos só com o café da manhã. Paramos então um pouco antes de chegar ao hostel, na Churrascaria Búfalo Branco (que não fecha entre almoço e jantar nos finais de semana) conformados que não haveria muita variedade, por causa do horário. Felizmente estávamos enganados: foi sem dúvida o melhor lugar em que comemos em Foz do Iguaçu. Não fomos recebidos com pão de alho mas sim com a picanha mais macia que já comi na vida - isso sim é entrada marcante! O que veio depois foi só alegria: carne fenomenal, atendimento simpático e atencioso, buffet de saladas e pratos quente fresco e variados, mesmo em um horário ingrato.

Resultado: comemos tanto que só nos restou voltar ao hostel caminhando para ajudar na digestão, e dormir antes de 21h!

Informações Locais:
Quem estava:
Picasaweb + fotos