sexta-feira, 17 de abril de 2009

(Peru) Dia 13: de Puno até Cusco

Depois de uma excelente noite de sono, acordamos às 6h45 e pudemos arrumar as coisas com calma! O ônibus para Cusco sairia às 8h30 e tivemos tempo para tomar café da manhã decente. Na hora marcada o César (que foi quem nos vendeu as passagens) estava no hotel para nos levar até o ônibus. Da partida até o destino final seriam míseras 10h de viagem!

O ônibus estava lotado e nós não éramos os únicos brasileiros a bordo. Nosso guia se apresentou quando já estávamos viajando e, como ainda era cedo e esse trecho da viagem é mais tranqüilo e monótono, acabamos dormindo mais um pouco. Depois de 1h, acordamos próximos a Pukara, uma civilização pré-inca que teve seu legado destruído pelos conquistadores espanhóis e de onde as pedras utilizadas para construir a Igreja de Pukara foram retiradas.

Ficamos 30min, visitamos um museu local e já seguimos viagem. Depois de aproximadamente 30min, paramos para provar um prato bem tradicional: Huancachu. Um saboroso assado de carneiro com batatas vermelhas! Seguimos viagem por mais 1h e então paramos para almoçar de verdade. O buffet já estava incluso no preço das passagens, com direito a música inca ao vivo.

La RayaDepois de almoçar, viajamos por mais 1h e paramos em La Raya (foto ao lado), na divisa dos territórios entre Puno e Cusco. De lá se tem uma magnífica vista dos picos nevados cujo degelo da origem ao Rio Amazonas. Visitamos ainda uma residência tradicional inca e a fabulosa ruína de Raqchi, um antigo templo inca. Depois viajamos por mais 30min para visitar a belíssima catedral de San Pedro de Andahuaylillas, intitulada a Capela Sistina das Américas! Embora a catedral seja belíssima com seus 2 órgãos de fole e amplamente decorada e um estilo totalmente único, o título é um pouco exagerado!

Chegamos a Cusco no final da tarde e o Norberto (sócio do César) tinha sido avisado da nossa chegada e estava nos esperando. Ele nos levou até o Pirwa Hostel, onde ficaríamos essa noite. Fizemos o check-in e saímos para comprar presente nos mercados da Av. do Sol. Ficamos lá até às 21h, quando as lojas fecharam, e então voltamos ao albergue para tomar banho e nos agasalhar.

Não demorou e já estávamos na rua novamente, agora para jantar, telefonar para casa e finalmente sair à noite. Fomos na afamada Mama Africa e o lugar estava cheio de mochileiros de vários cantos do mundo. Ficamos por lá ate às 4h da manhã, e só não ficamos mais porque no dia seguinte acordaríamos cedo para ir com o Márcio para o aeroporto (ele resolveu voltar antecipadamente para o Brasil).

Informações locais:
  • Pirwa Hostal: Portal De Panes, 151, Plaza De Armas - Tel: (51) 24-4315 - (desde US$10,00/pessoa, internet grátis)

Quem estava:
Picasaweb + fotos